Vale mais tarde do que nunca

A Igreja Católica na Alemanha indemnizou, com uma quantia simbólica de € 2.556,00 cada um, 594 trabalhadores forçados e estrangeiros que se viram obrigados a trabalhar nas 27 dioceses do país, durante o III Reich, sob a tirania de Adolf Hitler.

Comentários

Rui Cascao disse…
A derrama de 1% sobre os rendimentos dos contribuintes católicos, cobrada pelo fisco alemão a favor da ICAR, chega e sobra para pagar isso...

Mensagens populares deste blogue

Goldman Sachs, política e terrorismo financeiro

Miranda do Corvo, 11 de setembro

Maria Luís e a falta de vergonha desta direita