A ortodoxia é a mãe de todas as dissidências



Foram duas vozes críticas no último congresso do PCP. Quatro anos depois, Lopes Guerreiro, ex-autarca do Alvito, e Fernando Vicente, até então do Comité Central, admitem que o partido vive hoje "uma paz podre", "uma paz da ausência".

Comentários

ahp disse…
Mais duas "folhas secas" a podar na próxima purga...

Mensagens populares deste blogue

Vasco Graça Moura

A lista VIP da Autoridade Tributária