Caridadezinha


Parece haver um pacto entre a D. Isabel Jonet, o Governo e a Igreja católica. O Governo contribui com os pobres, a D. Isabel com as esmolas e a Igreja com as indulgências.

A Drª. Isabel Jonet é o Paulo Portas de saias. Os excessos que cometem são sempre motivo de polémica. A primeira responsabiliza os pobres pela fome que sentem; e o segundo, os beneficiários do Rendimento Social de Inserção pelos depósitos bancários que usufruem, superiores a 100 mil euros.

Comentários

Mensagens populares deste blogue

O último pio das aves que já não levantam voo

Cavaco Silva, paladino da liberdade

A ânsia do poder e o oportunismo mórbido