Hoje, na AR

Dizem-me que o homem que pede consensos como o sacristão esmolas na missa de domingo, fez um discurso baço, a apelar ao combate à corrupção. Não se sabe se tinha em vista os submarinos ou o BPN, o que me disseram foi que as ovações partiram dos que têm correligionários nesses negócios, e o silêncio soprou o ar de Abril nas bancadas da Oposição.

Que bom ter visto as cerimónias que o presidente da Câmara Municipal de Almeida levou a cabo, saber como mobilizou as crianças para o 25 de Abril e ver como vicejava na sua lapela o cravo rubro de Abril!

Que felicidade falar para cinquenta cidadãos que num almoço comemorativo celebraram Abril.

A gratidão faz parte da grandeza da vida e Abril é o alimento dos que amam a liberdade e não dos que apelam a consensos depois de servirem o veneno da cizânia.

Comentários

as creanças para o 25?

bolas aquellas creanças sofriam todas de progéria?

divendres, 25 abril de 2014
A REVOLUÇÃO MONARCHICA - TRAVESSA DO FALA SÓ Nº24 EDIÇÃO DE AUTHOR ALFREDO PIMENTA - DIZIA HOMEM CHRISTO QUE DADA A IGNORÂNCIA E O DESMAZELO RELAXADO QUE FOI O QUE A MONARCHIA LEGOU ÀS CLASSES MÉDIAS, A REPUBLICA COMO FORMA DE GOVERNO HA-DE REPRODUZIR TODOS, ABSOLUTAMENTE TODOS OS FRACASSOS DA MONARCHIA ...NA ESSENCIA O PAIZ FICARÁ O MESMO . QUE DIGO EU? FICARÁ PEOR E DIGAM-ME SE A CONTINUAR NO EXERCITO ESTE ESPIRITO ANARCHICO ELLE NÃO É UM PERIGO PARA A INTEGRIDADE DESTA REPÚBLICA EM 1919 COMO O FOI PARA A DE CÉSAR NO ANO DE 44 ANTES DO OUTRO CHRISTO.....

Pensamos que chegou o momento de podermos emittir a nossa opinião

sobre os acontecimentos politicos de janeiro passado.

Mantivemo-nos, até agora, Num silencio absoluto,

não só para não perturbar as digestoens

o homem christo é que a sabia toda

revoluções só dão tesões aos velhões

palhaços de abril há 1000

e só um dá multa de 1500 euros

e só outro ladrão pode perguntar porque o outro não está preso sem ser multado pela GNR


é um país de pedintes, de ladrões e de pobres de espírito ó meu lorde

Mensagens populares deste blogue

A ânsia do poder e o oportunismo mórbido

Nigéria – O Islão é pacífico…

Macron e a ‘primeira-dama': uma ‘majestática’ deriva …