O Governo, a SLN e Franquelim Alves


Dizem que a presença de Franquelim Alves no Governo é uma vergonha. Comparando o nível ético deste Governo com o do antigo administrador da SLN fica a dúvida se não é vergonha para o novo secretário de Estado reincidir noutro sítio tão mal frequentado.

Entre a ocultação dos prejuízos do BPN e a sua certificação por um administrador que o Relvas ou outro impuseram a Passos Coelho e a opacidade de que se revestem as decisões governamentais, não sei qual é a diferença.

Quem sabe se a nomeação não foi uma necessidade imperiosa para controlar os danos do BPN? Minguam pessoas com compromissos que os obriguem a integrar o Governo de Passos Coelho.

O que devia ser um brilharete no currículo passa a ser uma nódoa no cadastro.

Comentários

e-pá! disse…
Se a execução orçamental de 2013 correr mal - como é previsível - teremos de recear pelo regresso do Oliveira e Costa para ministro das Finanças?
Manuel Galvão disse…
Uma maioria, um presidente, um banco...

Mensagens populares deste blogue

Insurreição judicial

Cavaco Silva – O bilioso de Boliqueime