Luís Amado lança acusações a comissão


O ministro dos Negócios Estrangeiros, Luís Amado, acusa a comissão do Parlamento Europeu sobre os voos da CIA de falta de rigor, parcialidade e desinformação.


Comentário: «Contra Carlos Coelho e, sobretudo, contra Ana Gomes levantou-se um coro hipócrita do ‘patrioticamente correcto’ que conseguiu inverter os termos da equação: estava certo, não quem queria saber a verdade mas quem queria ocultá-la».

Miguel Sousa Tavares in Guantánamo ou o esplendor da hiporrisia – EXPRESSO, hoje.

Comentários

e-pá! disse…
Uma vez que o "apurado" no relatório da comissão temporária do PE está a ser analisado pela PGR, o min. Luís Amado não devia ser mais discreto ou mesmo manter-se calado?
Pouco diplomático o seu "arremedo".

Deixe essas coisas para o José Lello! Ele tem tarimba...
Mnauel Norberto Baptista Forte disse…
Acaba por ser natural.
Quem é que se convence se nada houvesse para ocultar, que as pessoas não disponibilizariam os documentos, e até a sua (deles) vontade, para o completo esclerecimento que tarda sobre este caso ?. Protelar no tempo só convida ao esquecimento, e ao "limpar" do incómodo da questão, e assim o esclarecimento da verdade.
da Bélgica disse…
E como chamar a policia para se ouvir dizer (como dizem aqui) : " Circulez ! Il n'y a rien à voir !"

Mensagens populares deste blogue

O último pio das aves que já não levantam voo

Cavaco Silva, paladino da liberdade

Efeméride – 30 de outubro de 1975