A solução final


Uma funcionária do museu industrial LWL exibe um recipiente original cheio de veneno Zyklon B, fabricado pela empresa Topf & Soehne. A exposição "Technicians and Final Solution. Topf & Soehne - The Oven-makers of Auschwitz" mostra a indústria e os produtos envolvidos nos crimes cometidos pelos nazis durante a II Guerra Mundial. Foto: Oliver Krato/AP

Fonte: Público - 12-01-2007 - 09:16

Comentário: São estes crimes que os neo-nazis pretendem negar.

Comentários

Anónimo disse…
POis,é!

Mas não esqueçamos as 200 a 500 bombas atómicas detidas pelos israelitas.E as outras TODAS!Não esqueçamos as munições de Urânio Empobrecido (DU)na Sérvia,Iraque.Não vivi sobre o dominio dos nazis(apenas,dos nazistazinhos pacóvios).Mas,agora temos aquilo a que temos direito-Bush!!!
Anónimo disse…
Outra coisa.Porque é que o PS mais o PSD não formam o 'ganda' partido português dos ladrões,que objectivamente eles são!?
Anónimo disse…
Afinal basta pedir
“Tomei medidas de inspiração cavaquista”
(Entrevista ao ministro da Justiça, Alberto Costa)

O ministro da Justiça considera saudável a exigência de resultados por parte do Presidente da República. Alberto Costa prepara-se para, já no próximo mês de Fevereiro, fazer um primeiro balanço das medidas tomadas nos dois primeiros anos de mandato. Uma resposta à mensagem de Ano Novo de Cavaco Silva. O ministro garante que se inspirou no “ímpeto reformista” de Cavaco quando avançou com a redução das férias judiciais. Nesta entrevista ao Expresso, Alberto Costa admite ainda acabar com o Departamento Central de Investigação e Acção Penal (DCIAP), liderado pela procuradora-geral adjunta Cândida Almeida, que tem sido responsável pela investigação dos mega-processos. A aposta será continuar a aplicar o modelo inaugurado por Maria José Morgado, a quem foram conferidos poderes especiais para investigar todos os processos do caso ‘Apito Dourado’.
(fonte: Expresso).



Comentário: VERGONHA! ENVERGONHEM-SE DA VOSSA "DITA" ESQUERDA
(Atenção que ainda para mais foi no "Expresso" nunca no "Sol")
Anónimo disse…
Anónimo Sáb Jan 13, 01:50:58 PM:

Na altura do holocausto os judeus já tinham bombas atómicas?

Um anti-sionista.
Anónimo disse…
CE:

"São estes crimes que os neo-nazis pretendem negar."

Pode-se (deve-se) ser mais abrangente.
Para além do permanente branqueamento da doutrina e das atrocidades nazis feita pelos neo-nazis e pela direita ultra-nacionalista convem, por exº., não esquecer a recente conferência "negacionista" do holocaustro, de Teerão, promovida por Mahmoud Ahmadinejad... e muitas outras iniciativas.

É de facto preocupante, alienante e muito mais envolvente do que julgamos, esta "galopante" negação da História. Não nos esqueçamos do pseudo-historiador David Irving, condenado na Austria...

Mensagens populares deste blogue

Associação Ateísta Portuguesa (AAP) - RTP-1