Sessão de esclarecimento

O assassinato de académicos iraquianos
Mais de 200 professores universitários e 190 profissionais de saúde iraquianos assassinados por esquadrões da morte.
A quem interessam estes crimes?


Sessão de esclarecimento
10 de Maio, às 16 horas
Faculdade de Letras de Lisboa


Intervenção de Carlos Varea (Campanha Espanhola contra a Ocupação e pela Soberania do Iraque)

Projecção do documentário Faluja, o massacre escondido


Apoio:
Associação de Estudantes da Faculdade de Letras de Lisboa
Sindicato dos Professores da Grande Lisboa
Tribunal-Iraque

Comentários

Anónimo disse…
Aqui está um bom tema para RTP 2:, mas de serviço público aquilo está cada vez a ter menos. O PS (e digo-o porque sei que CE é do PS, pode ser que chame a atenção ..., mais uma vez erra na Comunicação Social. Ao levar até á direcção da 2:, Jorge Wemans, um homem que nada tem a ver com o audiovisual, deixou o senhor em pânico e agora só pensa em audiências. Séries norte-americanas são aos pontapés. A participação da sociedade civil só não a dispensará se não puder, e agora até do próprio programa Parlamento se quer livrar. Na passada semana, todos os deputados que deviam ter participado na gravação da emissão, faltaram. Mudanças na hora do programa (para as quais Wemans tem demonstrado uma inépcia quase absoluta), colocando-o entre um programa religioso e outro para crianças, ainda por cima às 19.30, num horário dominado pelas 3 generalistas, fizeram explodir o mal estar que já se sentia há semanas. E mais virá, provavelmente de outros sectores que ajudam a fazer a 2:.
O certo é que, embora a 2: não tenha vocação para o entertenimento de estúdio, e tenha cortado 70% no orçamento para este tipo de programas, mesmo assim lá se arranjou dinheiro para a Revolta dos Pastéis de Nata, programa conduzido pelo colega de blog de Wemans, o Luís Filipe Borges ! Mas será que o PS não consegue ter mesmo juízo ?
Anónimo disse…
Importantíssima esta sessão na formação da consciência dos cidadãos confrontados com factos que, quotidianamente, todos vivemos, discutimos e tomamos posição.
Mais importante ainda por estarmos nas vesperas de nova escalada contra o Irão.
Pena é o horário. Quem trabalha fica de fora.
Anónimo disse…
Chapelada ao comentário de Anónimo das 3:22!
Não conheço os arranjinhos de poder na RTP. Mas não me custa nada acreditar, porque o PS tem feito sempre um esforço ingente, disparatado e suicida, para copiar, nesse campo, as práticas mais desavergonhadas da sua prima direita.
A questão é que o assunto do post devia fazer obrigatoriamente parte da agenda dum serviço público de televisão. Se existisse de facto a preocupação de levar informação e conhecimento ao público, que lhe permitisse formar-se enquanto opinião.
Não é isso que acontece. E novamente, quem hoje procura informação, tem que assumir o papel do militante antigo, e ir buscá-la a estes encontros, limitadíssimos e quase clandestinos, que fazem lembrar a capela do Rato. Ou receber um toque de algum conspirador atento, através da Internet.
Grande canalhice! Desgraçado fadário!
Vítor Ramalho disse…
Infelizmente os governos ocidentais não têm sido uma oposição eficaz ao assassino Bush. Pelo contrário ainda lhe vão dar cobertura numa possível invasão ao Irão.
Anónimo disse…
Really amazing! Useful information. All the best.
»
Anónimo disse…
Best regards from NY! »

Mensagens populares deste blogue

Insurreição judicial

Cavaco Silva – O bilioso de Boliqueime