Templo da Índia

A beleza, a opulência e o esplendor.

Esqueçamos a miséria do povo na época da sua construção.

Comentários

jagudi disse…
O jardim do paraíso, os palácios da Babilónia, todos os Taj-Mahal, as pirâmides do Egipto, os templos de Machu-Pichu, as acrópoles de Atenas, os coliseus de Roma, as catedrais medievas, todas as praças de S. Pedro, São Petersburgo inteiro, a própria sé da Guarda, tudo são exercícios de poder, esplendores construídos sobre a fome.
Hoje em dia há uns caramelos por aí a dizer que não é bem assim, mas são uns aldrabões.
Pois gozemo-las nós quanto pudermos, agora que já passaram ao domínio público. E enquanto houver petróleo barato, e aviões a 20€!
Anónimo disse…
Your website has a useful information for beginners like me.
»
Anónimo disse…
Hey what a great site keep up the work its excellent.
»
Anónimo disse…
Interesting site. Useful information. Bookmarked.
»

Mensagens populares deste blogue

O último pio das aves que já não levantam voo

Cavaco Silva, paladino da liberdade

Efeméride – 30 de outubro de 1975