Admirável coragem


Regressaram também os confrontos entre a polícia e os partidários do candidato derrotado nas eleições presidenciais Mir-Hossein Moussavi, que hoje formalizou um pedido para a anulação dos resultados. Enquanto isso, o Presidente Mahmoud Ahmadinejad fez o seu discurso de vitória, negando suspeitas de fraude eleitoral.

Nota: Só quem já viveu em ditadura pode apreciar a coragem que é precisa e a imensa determinação de que estes manifestantes dão provas.

Comentários

e-pá! disse…
A "DIVINA" INTERVENÇÃO

O Supremo Líder do Irão, ayatollah Ali Khamenei disse que os resultados eleitorais são a consequência da "intervenção divina".

The Press Association:
..."Iran's supreme leader Ayatollah Ali Khamenei declined to intervene, urging the nation to unite behind Ahmadinejad and describing the results as "a divine assessment"... link.

Existiam suspeitas sobre se teria existido algum tipo de intervenção estranha ao voto popular nos resultados eleitorais.
Agora sabemos que sim. A divina. Isto é, a que é invocada para controlar o Iraque.
Nada mais coerente com a dortrina (teocrática).

Só não se entende porque os presidentes não são nomeados...
Anónimo disse…
Noticia montada!! Isso não passa de perseguição ao Iran!! Existem regimes extremamente sanguinarios como o saudita,gabonês, pakistanês.. mas ninguem diz nada!!
"democracias" como EUA e GB tem eleições mentirosas e descaradas, mas ninguém se atreve a levantar a voz! Prefere acreditar cegamente nessa imprensa marrom e corrupta!!
Sei muito bem a intenção dessa imprensa!! Quer ver o Iran como 1novo Irak!!!
e-pá! disse…
Caro Joao Lima:

Tem de nos fornecer a listagem dos jornais e revistas cerdíveis.~
Toda a imprensa internacional mostrou a agitação nas ruas de Teerão, com cargas policiais, gazes anti-motim, etc.
Há, inclusivé, videos.
Tudo isto é montado?

Nunca viu, neste blog, qualquer referência elogiosa ou condescendente a regimes ditatoriais, sejam: sauditas, gaboneses, paquistaneses (não houve eleições no Paquistão?), ou outros.

Nunca este blog apoiou a invasão do Iraque, como lhe foi veementemente afirmado por CE.

Todavia, não podemos tratar de todos so assuntos ao mesmo tempo.
Coube, agora a vez ao Irão, porque as eleições estavam na agenda política do Oriente Médio. E porque julgamos que o novo mandato de Ahmadinejad trará o agravamento da conflitualidade interna na sociedade iraniana e tem potencial político para agravar os problemas dos povos e Estados desta turbulenta região do Mundo, nomeadamente aquilo que se pode genericamente designar pelo "conflito árabe-israelita".

Virão outros dias...em que, com certeza, comentaremos outros questões...
Por exemplo, Joao Lima ser o "alter ego" de Stefano... o que não sendo nem original, nem interdito, pode sustentar confusões, quando não se consegue identificar o IP.
André Pereira disse…
O regime de Teerão está podre e tem os alicerces a ruir. Uma sociedade incrivelmente desigual, com uma burguesia rica no norte de Teerão, a cidade no mundo onde se fazem mais cirurgias estéticas (à frente de São Paulo e de Los Angeles), onde os produtos de luxo abundam como em Hong Kong ou na 5th Avenue; e um mar de gente pobre que se alastra pelo centro e sul da capital e inunda o pais amordaçado por um regime corrupto, imoral e destruidor da alma criativa do grande povo persa.
A juventude é a esmagadora maioria do país e, mais tarde ou mais cedo, o regime vai cair. O Irão é o país do mundo com maior taxa de heroinómanos: um autêntico flagelo social, indirectamente fomentado pelo regime que não tendo trabalho para os seus homens, lhes facilita o acesso a heroína e ópio baratíssimo...
O regime tem-se aguentado graças ao medo e à estupidez dos amercianos. Primeiro lançaram Sadam Hussein numa guerra cruel e longuíssima contra o Irão, fortalecendo o regime, e quando este começava a tremer, lançaram-se no Iraque, desestabilizando a região e assim dando um novo sopro de vida àquela gente má que bate nas mulheres em plena rua, que lhes diminui direitos, que deseduca as crianças com crendices e com ódios... Ainda aguentarão mais 4 ou 8 anos graças aos conflitos nos países vizinhos, mas a juventude vai acabar com aquele regime malévolo e criminoso!
Anónimo disse…
Aiaiaiai!! Continuem vomitando calunias contra o Iran!! è isso mesmo!! o NY Times,Haaretz falaram tá falado!!!

Se vocês não são tolerantes com estes regimes que eu falei então pq vocês não atacam??? Ah...
e pq não atacaram Kadafi?? Só pq ele virou meretriz da OTAN???

podem despejar a vontade o fanatismo anti-Iran de vocês...
Não levo a sério conversa de "defensores" da democracia....
Não me comovo diante de ataques hipócritas contra o Iran!!

vocês falam de eleições??? países como USA e UK tem eleições de mentira... mas não vejo nenhuma indignação contra isso!!

Mensagens populares deste blogue

Notas sobre a crise venezuelana…

Vasco Graça Moura