Cavaco em campanha pelo PSD

PR e a assessora para o PSD

O PR acaba de «intimar» a Portugal Telecom para esclarecer a alegada compra de 30% da Media Capital, dona da TVI.

Decididamente que o árbitro perdeu a compostura e terá dificuldade em acabar o mandato com dignidade.

Fonte: SIC - Notícias, há cinco minutos.

Comentários

Nuno Moita disse…
Uma pouca vergonha. Definitivamente deixou de haver qualquer tipo de equilíbrio institucional e de compostura politica. A “partidarite” aguda instalou-se e não vai ficar por aqui....
Quintanilha disse…
A mim, ele nunca me enganou!
e-pá! disse…
MALABARISMOS INSTITUCIONAIS

Receio bem que, quando o Dr. Paulo Rangel tomar posse em Estrasburgo, possa ser substutuído na AR por...
O presidente da Associação Comercial do Porto, Rui Moreira, criticou hoje a intervenção do Presidente da República sobre a eventual compra pela Portugal Telecom (PT) de 30% da Media Capital, detentora da TVI.

«Acho mal que o Presidente da República se manifeste sobre estas questões empresariais. Acho pior ainda por cima quando se sucede em poucas horas à entrevista da líder da oposição sobre esta matéria. Não acho que o Presidente da República deva apanhar boleia sobre estas questões», disse à agência Lusa Rui Moreira.
Carlos Alberto disse…
Sobre o assunto da possível venda de 30% do capital da TVI, o sr. Presidente Cavaco, deveria ter o bom senso de não se prenunciar. É que alguns ainda devem andar recordados de como esta estação foi dada de mão beijada à Igreja! Recato, Sr. Presidente. Recato.
ahp disse…
Parece-me que o PR está a deixar a imagem de Presidente de todos os portugueses para passar a acalentar a eterna pretensão do PSD: "uma maioria, um governo, um Presidente"
e-pá! disse…
E já agora um pacote de Maizena...
e-pá! disse…
Fico à espera da sua promulgação e posterior publicação...


"AVISO

Manda a República, através dos seus legais representantes, que qualquer negociação, tansacção, doacção, compra ou venda de bens móveis ou imóveis, a Alta Magistratura da Nação seja posta ao corrente do processo negocial, a fim de inquirir e avaliar da sua transparência..."


A CMVM, o MP e os Tribunais só depois serão chamados a intervir.

Ouvem-se, ao fundo, palmas de MFL e piruetas de Paulo Rangel.

Mensagens populares deste blogue

Os incêndios e a chantagem ao Governo

Vasco Graça Moura