Açores - Vitória civilizacional

O parlamento açoriano rejeitou a legalização da prática de "Corridas Picadas" na Região Autónoma.

A proposta de decreto regional obteve vinte e seis votos a favor, vinte e oito contra e dois deputados, ambos do CDS-PP que tem cinco deputados, abstiveram-se. O PS e o PSD deram liberdade de voto. O Bloco de Esquerda , com dois assentos, e o PCP , com um, votaram contra conforme já haviam anunciado.

Comentários

andrepereira disse…
só a proposta já é uma derrota ética. como é possível que haja deputados que possam pensar em propôr tal barbaridade!

Mensagens populares deste blogue

Cavaco Silva – O bilioso de Boliqueime