Madeira - o défice democrático

O representante da República na Madeira, Monteiro Diniz, evitou esta sexta-feira comentar as denúncias de corrupção do PS/M, mas admitiu, num encontro com Cavaco Silva, que os magistrados estão mais «vulneráveis» por se tratar de uma Região mais pequena.

Comentários

Anónimo disse…
E em que A. J. J. em NADA interfere, inflencia, ou coaje.
Aliás sabe é pedir e ... receber.
É algo mais de grave, que se passa na Região Autónoma da Madeira. Aguardemos pois ...
Anónimo disse…
Bom dia.
A minhas desculpas, como sempre (comentário anterior):
Manuel Norberto Baptista Forte

Mensagens populares deste blogue

Cavaco Silva – O bilioso de Boliqueime

Tunísia – Caminho da democracia ou cemitério da laicidade ?