Santanezes e outros malteses

Pedro Santana Lopes foi, esta quinta-feira, eleito presidente do grupo parlamentar do PSD com 53 votos a favor, 11 contra, 8 votos em branco e 3 nulos.

Comentário: Depois do desastre que foi no Governo, será certamente brilhante na oposição. «Quem sabe faz, quem não sabe, ensina».

Comentários

Anónimo disse…
Porque será que se continua a falar do desastre de Santan Lopes no governo e se esquece o papel de Jorge Sampaio que teve oportunidade de fazer com as falsas promessas de Sócrates o que fez com o então primeiro-ministro do PSD?
e-pá! disse…
Santana Lopes pode arranjar os alibis, as justificações, as traições (facadas nas costas), que quiser.
A verdade é que no epílogo desta barafunda foi, há 2 anos e pouco, a votos.
O povo julgou-o, impediedosamente.
Agora, o grupo parlamentar do PSD, com o aval da direcção partidária, dá-lhe a sua benção.
Os políticos portugueses não fazem travessias do deserto.
Andam por aí...
Anónimo disse…
Zandinga ressuscitou!
E, já agora, a chave do Euromilhões de logo à noite não se arranja?
Anónimo disse…
O Circo vai começar. É estar atento e ver.

Mensagens populares deste blogue

Insurreição judicial

Cavaco Silva – O bilioso de Boliqueime